Kruger: guia prático para organizar seu safári na África do Sul

Mapa da parte Sul do Kruger National Park, África do Sul – Foto: Fábio Paschoal

A África é apaixonante! É difícil explicar a sensação de estar rodeado por elefantes, acompanhar leões em uma caçada, ver um guepardo correndo ou observar um leopardo descansando em uma árvore. São experiências que ficam gravadas em sua memória para sempre e conectam qualquer pessoa à natureza. Já visitei Tanzânia e Botsuana e a vontade de conhecer mais sobre a vida selvagem desse continente só aumenta. Era hora de voltar!

[Veja a série África Selvagem: Em Busca da Grande Migração]

[Veja o Roteiro: 20 dias na África do Sul de carro]

[Veja a série Cidade do Cabo: passeios para contemplar a natureza]

[Veja a série Rota Jardim / Garden Route: 5 dias pelo litoral da África do Sul]

Mapa do Kruger National Park, África do Sul. Decidimos explorar o Sul do parque, onde a concentração de vida selvagem é maior (Clique para ampliar)

Sou guia de ecoturismo e valorizo minha profissão. Por isso, estive acompanhado por guias em todos os passeios que fiz anteriormente. Um bom guia conhece e respeita os animais, passa informações relevantes, faz você se interessar por coisas que normalmente passariam desapercebidas, conhece as melhores rotas para encontrar o que você deseja e sabe o que fazer caso algo saia errado. Ele transforma a viagem do turista e torna a experiência muito mais enriquecedora.

Sempre tive vontade de mostrar a minha paixão pela África para Vanessa, minha namorada. E, após fazer muitos safáris guiados, achava que estava pronto. Era hora de fazer meu primeiro self drive safari (termo usado para quem aluga e dirige o carro em um safári sem o acompanhamento de guia de turismo).

Mapa do sul do Kruger National Park, África do Sul. Nossa rota durante os sete dias que ficamos no Parque está em azul transparente (clique para ampliar)

A África do Sul era nosso destino e o Kruger National Park foi escolhido para realizar nosso objetivo. Com uma área de cerca de 2 milhões de hectares, dividida em 16 zonas ecológicas que sustentam 145 espécies de mamíferos e quase 500 espécies de aves, o parque nacional mais conhecido da África do Sul era perfeito para começar nossa viagem.

Decidimos compartilhar as melhores rotas que fizemos, as experiências fantásticas que tivemos e todos os perrengues que passamos. Nossa vontade é voltar mais vezes e continuar atualizando esse guia prático. Qualquer dúvida é só perguntar nos comentários.

Eu, Vanessa e o nosso carro de safári no Kruger, África do Sul – Foto: Fábio Paschoal

Equipamentos utilizados:

  • Canon Rebel XTi com lente EF-S 55-250mm f/4-5.6 IS para fotos de bichos
  • Celular Samsung A5 para fotos dos estabelecimentos, paisagens e vídeos

Acompanhe nossos safáris aqui, no blog Curiosidade Animal

Capítulo 1 – Kruger: chegada pelo portão Sul (Malelane Gate)

Capítulo 2 – Berg-en-Dal: ótima opção de hospedagem no Sul do Kruger

Capítulo 3 – Kruger: cuidado com elefantes quando estiver em um safári

Capítulo 4 – Cachorro-selvagem: o predador mais eficiente entre os mamíferos

Capítulo 5 – Berg-en-Dal – Skukusa: boa rota para cachorro-selvagem, guepardo e  rinoceronte no Kruger

Capítulo 6 – Cuidado com os macacos de Skukuza, no Kruger

Capítulo 7 – Skukuza camp: uma pequena cidade dentro do Kruger

Capítulo 8 – H1-2/H4-1: a rota com maior concentração de leopardos do Kruger

Capítulo 9 – Skukuza – Phabeni: rota com grande concentração de animais

Capítulo 10 – Visite hides e waterholes para ver mais animais no Kruger

Capítulo 11 – Night drive oferecido pelo Kruger: nossa primeira decepção

Capítulo 12 – Skukuza – Lower Sabie: Excelente rota para birdwatching e os Big 7 do Kruger

Capítulo 13 – Lower Sabie: camp com grande concentração de animais no Kruger

Capítulo 14 – Kruger: cheque os quadros de avistamentos e faça suas próprias rotas

Capítulo 15 – Lower Sabie – Crocodile Bridge: duelo de rinocerontes no Kruger

Capítulo 16 – Sunset drive: a redenção dos passeios do Kruger

Capítulo 17Kruger: como se comportar em encontros com leões

Capítulo 18 – Big 7: os sete animais mais desejados nos safáris do Kruger

Capítulo 19 – Lower Sabie – Berg-en-Dal: rota cansativa, mas com muitos animais

Capítulo 20 – Kruger: o Parque Nacional mais famoso da África do Sul merece ser visitado

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s