Atropelamento de baleias-jubarte ameaça temporada de reprodução em Abrolhos

Segundo o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), cerca de 90% das baleias-jubarte (Megaptera novaeangliae) que chegam ao litoral brasileiro escolhem o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos para a temporada de acasalamento – Foto: bschwehn/iStockphoto/Thinkstock

Segundo o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), cerca de 90% das baleias-jubarte (Megaptera novaeangliae) que chegam ao litoral brasileiro escolhem o Parque Nacional Marinho dos Abrolhos para a temporada de acasalamento. As embarcações que navegam pelo lugar ameaçam as gigantes – Foto: bschwehn/iStockphoto/Thinkstock

As primeiras baleais-jubarte são observadas em Abrolhos no começo de julho. Elas chegam para dar início à temporada de acasalamento e ficam até novembro no litoral sul da Bahia. Infelizmente, segundo o Projeto Baleia Jubarte, durante o período de reprodução ocorre um aumento nos casos de atropelamento de baleias na região.

Com o aumento na concentração de jubartes no mar, algumas embarcações acabam se chocando com os animais. Os acidentes podem causar a morte das baleias e das pessoas que estão a bordo da embarcação.

Os barcos a vela oferecem um risco maior. Sem o ruído do motor, as jubartes não conseguem detectar a aproximação da embarcação. Outro problema é o barulho dos motores de grandes navios, que mascaram o ruído de embarcações menores e também causam colisões.

Para evitar acidentes o Projeto Baleia Jubarte recomenda evitar a navegação no trecho que vai do extremo sul da Bahia ao norte do Espírito Santo, onde fica Abrolhos. A região concentra a maior quantidade de baleias-jubarte em todo o mundo durante o período de reprodução (entre julho e novembro).

No caso de observação de uma baleia, o projeto orienta os barcos a mudarem de rota para desviarem do animal. Uma aproximação não deve acontecer em nenhuma hipótese.

Advertisements

2 thoughts on “Atropelamento de baleias-jubarte ameaça temporada de reprodução em Abrolhos

  1. alguém que não deixe os barcos navegarem nessa zona, o ser humano é estúpido, que planeta querem deixar para os filhos e netos e próximos que vem, o ser humano é que é um animal selvagem

  2. Imagino que deva ser um período lindo, quando podemos controlar a beleza dessas jubartes, só é triste saber que o homem mais uma vez pode ser o grande predador. Vamos cuidar da natureza e contemplar suas belezas.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s